Pular para o conteúdo principal

PIAZZA DEL POPOLO

A Piazza del Popolo (praça do povo) é uma das célebres praças de Roma e é o ponto onde convergem três das mais importantes ruas:  Via del Babuino, Via di Ripetta e a Via del Corso.

Na entrada, estão duas igrejas idênticas, S. Maria di Montesanto e S. Maria dei Miracoli (séc. XVII). Foram reconstruídas por Bernini e Fontana. Dois semicírculos fecham a praça que é de um lado ligada ao Pincio, colina com grande área verde onde antigamente um parque público abrigava os jardins das famílias mais abastadas. De lá, se tem uma vista panorâmica da cidade. No centro está o Obelisco Flaminio.

Igrejas S. Maria di Montesanto e S. Maria dei Miracoli

A praça termina na Porta del Popolo, conhecida também como Porta Flaminia. A fachada que dá para a praça é de Bernini. À direita, completa o conjunto a igreja de Santa Maria del Popolo, construída no local onde Nero está sepultado. Tem afrescos de Pinturicchio e pinturas de Caravaggio. Possui a Cappella Chigi, desenhada por Rafael, também autor dos mosaicos da cúpula.

Santa Maria del Popolo
Santa Maria del Popolo – Interior
Santa Maria del Popolo – Interior

Havia jardins magníficos nas colinas do Pincio (acima da piazza del Popolo)  nos tempos da antiga Roma. As avenidas largas, margeadas por pinheiros, palmeiras e carvalhos logo tornaram-se num lugar elegante para passear.

Conta-se que diversas personalidades como Gandhi, Mussolini, Richard Strauss e o rei Faruk do Egito frequentavam um restaurante que havia nos jardins.

Curiosidade: o fantasma de Nero

Nero continuou na imaginação das pessoas muito depois da queda do império romano. Na Idade Média, dizia-se que a nogueira onde suas cinzas foram enterradas era mal-assombrada. Acreditava-se que os corvos na árvore eram demônios atormentando Nero por seus crimes hediondos. Quando a igreja de Santa Maria del Popolo foi construída ali, em 1909, pelo papa Pascoal II, a árvore foi derrubada, supostamente colocando um fim aos eventos sobrenaturais que aterrorizavam as pessoas do lugar.