Pular para o conteúdo principal

MAGERE BRUG

A Magere Brug (ponte magricela) é a mais conhecida das 1.400 pontes de Amsterdã. Segundo a tradição, recebeu este nome em homenagem a duas irmãs chamadas Mager, que moravam uma de cada lado do Amstel. Há também a versão que elas teriam construído a ponte para facilitar a visita de uma à outra. Entretanto, é mais provável que tenha esse nome por causa do seu formato estreito (mager).

A ponte levadiça original foi construída em 1670. A ponte atual foi erguida em 1969 e, apesar de ser mais larga que a original, segue o estilo tradicional de lâmina dupla.

Foi construída com azobe (uma madeira africana) para durar 50 anos. A cada 20 minutos o mestre da ponte a abre para os barcos passarem.

À noite é iluminada, tornando-se um local encantador para visitar e desfrutar as vistas sobre o rio.