Pular para o conteúdo principal

ST PAUL’S CHAPEL

Com o título de igreja mais antiga da ilha de Manhattan, a St. Paul’s Chapel foi inaugurada em 1766 e é um ponto turístico imperdível para quem aprecia história e arquitetura.

A igreja é uma pérola no estilo georgiano. O interior é alegre, iluminado por lustres Waterford.

Segundo os especialistas, o estilo da igreja se parece muito com a St. Martin-in-the-Fields de Londres, o que pode ser explicado pelo fato da capela não possuir um arquiteto encarregado do projeto. Naquela época era comum reproduzir as construções de acordo com informações encontradas nos livros e manuscritos sobre arquitetura. Portanto, a igreja saiu do papel sem a orientação de um arquiteto e com a ajuda do trabalho de vários artesãos, entre eles Andrew Gauthier, que foram os responsáveis pelos detalhes do interior e exterior.

Atualmente é conhecida como “pequena igreja que permaneceu de pé”, após ter superado desastres como o grande incêndio que atingiu Nova York em 1776 e os atentados de 11 de setembro, que aconteceram bem perto do local.

Além de sua parte exterior majestosa, vale a pena observar no hall o teto e os candelabros de vidro.

O banco onde George Washington rezou logo após a posse na presidência foi preservado.