Pular para o conteúdo principal

PRAÇA DAS ARMAS

A Praça das Armas, apelidada de “Salão da Cidade”, foi construída do século XVII. Mais tarde, ela foi pavimentada pelas tropas francesas de Luís XIV para ser usada para desfiles e treinos de recrutas.

Nesta praça está o monumento que homenageia dois autores luxemburgueses.  O pilar do monumento exibe o lema de Luxemburgo: “Mir wëlle bleiwe wat mir sin“. (Queremos continuar sendo o que somos.) O leão no topo do monumento é um símbolo do grão-ducado.

O Cercle Cité (ou Círculo Municipal) é uma construção imponente que domina a praça. Hoje é o centro de convenções e exposições, mas o local já foi um ponto de encontro para a Comunidade Europeia de Carvão e Aço, precursora da União Europeia.

Cercle cité

Na praça das armas há inúmeros restaurantes e cafés. A praça ganha vida no verão quando músicos e artistas realizam suas performances sob a sombra das frondosas tílias.

No inverno a praça recebe o Mercado de Natal com bancas de produtos tradicionais e artesanato, carrosséis e coros natalícios.

Um mercado de antiguidades é realizado na praça no segundo e no quarto sábado de cada mês.