Pular para o conteúdo principal

GRAND PLACE

Definida pelo escritor e cineasta Victor Hugo como “a praça mais bela do mundo”, a Grand Place foi construída no século XIII e preserva em seu entorno casas que pertenceram a reis e nobres no passado, numa surpreendente harmonia arquitetônica. A praça nasceu de uma pequena colônia de artesãos e comerciantes que, no final do século X, se estabeleceu ao redor de um grande castelo.

Em 1695, os canhões do exército francês destruíram grande parte dos edifícios da praça e todos tiveram que ser reconstruídos posteriormente, exceto o da Prefeitura.

A cada dois anos, em agosto, a praça recebe um enorme tapete de flores, quando um milhão de begônias são usadas para criar desenhos impressionantes. Concertos e recitais de música são realizados aqui durante o ano inteiro.

A Grand Place é composta por um conjunto arquitetônico impressionante. Os mais destacados por sua importância e beleza são: Hotel de Ville, Maison du Roi, Maison des Ducs de Brabant, Le Pigeon, Le Renard, Le Cornet e Le Roy D’Espagne.

À esquerda da Prefeitura há uma estátua feita de bronze que é a estátua de Everad’t Serclaes, executado no século XIV enquanto defendia Bruxelas.

Everad’t Serclaes